O que parece ser uma proposta de você fazer a sua quarentena quando quiser, na realidade é uma atividade online de programação de computadores com cara de competição, nesses tempos de isolamento social, por conta da pandemia COVID-19.

A proposta foi apresentada pelos professores Aladir Júnior, Murilo Assis e Roney Lima, todos da Coordenação do Curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (TADS) do Instituto Federal de Goiás (IFG) em Jataí.

De acordo com o professor Aladir Júnior, que também é pesquisador do Núcleo de Informática na Educação (NINE), “além de buscarem aumentar e experimentar o conhecimento adquirido na programação de computadores, a atividade proporciona desafios, certificação e pontuação em horas/atividade (requeridas para a conclusão de diversos cursos presenciais do IFG)”.

As inscrições dos interessados são feitas por meio do Moodle, especialmente para alunos da instituição, nesse primeiro momento. Há a possibilidade de serem ofertadas novas turmas para que a comunidade externa possa participar. Segundo o professor Murilo Assis, que é coordenador do curso de TADS, toda a atividade será realizada a distância e com três etapas: formação na plataforma (a ser realizada via webconferência), dúvidas em relação a linguagens (também via webconferência) e a terceira etapa que será realizada por cada participante diretamente na plataforma URI Online Judge.

Os desafios, organizados em três níveis (Iniciante, Intermediário e Avançado), são apresentados na plataforma livre de programação URI Online Judge, onde os interessados também devem se cadastrar. Após o cadastro é só participar dos torneios propostos pelos organizadores da atividade, seguindo um cronograma.

O professor Roney Lima, que já trabalhou em outras ocasiões com a plataforma URI afirma que esta é bem completa, contando com mais de 1000 exercícios disponíveis, 11 linguagens de programação, além de correção automatizada.

Para quem estava pensando em ficar em casa vendo Netflix ou acompanhando os números da pandemia pelo mundo, tem agora mais essa oportunidade de atividade que pode ser de lazer (pra quem gosta disso, é claro!), ou como atividade de aprendizagem (programação com melhoria do raciocínio lógico-matemático). Uma coisa é certa: Quem participar do desafio, provavelmente terá como benefício a possibilidade de uma rápida adaptação quando do retorno às atividades educacionais presenciais.

* As imagens que aparecem no texto foram retiradas da página oficial do URI Online Judge em: https://www.urionlinejudge.com.br