O Instituto Federal de Goiás (IFG), por meio da Pró-reitoria de Pesquisa a Pós-graduação publicou editais para fomento de projetos de pesquisa a serem realizados por Docentes e Discentes do IFG.

O Grupo NINE obteve aprovação de 05 projetos de pesquisa propostos por alunos dos cursos técnicos de nível médio e superior do IFG/Câmpus Jataí.

Os projetos aprovados serão orientados pelos Professores Pesquisadores do NINE Rita Rodrigues de Souza (03 projetos), Aladir Ferreira da Silva Júnior (01 projeto) e Renato Oliveira Abreu (01 projeto), com a colaboração dos professores Leizer Fernandes Moraes e Danillo Vaz Borges de Assis como coorientadores de dois projetos.

Além dos orientadores e coorientadores vinculados ao NINE, cada projeto possui alunos (bolsistas e voluntários) e outros professores  que irão conduzir a pesquisa. Veja a seguir detalhes sobre os projetos de pesquisa aprovados e os alunos envolvidos:

Relatório Técnico: construção de um modelo para a área de Informática, subsídio para formação escolar 

O alunado dos cursos técnicos integrados ao médio, do Instituto Federal de Goiás (IFG), no desenvolvimento das disciplinas, precisam apresentar a escrita de relatórios técnicos. Esse tipo de escrita não é foco de estudo no nível anterior de estudo. Assim, faz-se necessário um estudo que auxilie, docente e discente, nessa travessia para textos com características diferentes das que, geralmente, são trabalhados na formação anterior, como contos, fábulas, receitas entre outros. Essa problemática constitui o cerne da proposta de pesquisa deste projeto. Trata-se de uma investigação de natureza qualitativo-interpretativa de base etnográfica que realizar-se-á mediante análise de texto fundamentada em estudos teóricos sobre gênero textual e uso de Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC). Refere-se ao estudo de um corpus de texto produzidos em contexto escolar do Ensino Médio Técnico Integrado (EMI), sob a denominação de Relatório de Atividades Práticas. O intuito é depreender uma estrutura retórica mais apropriada para a prática escolar de estudantes do 1º ano do EMI do Curso Técnico em Manutenção e Suporte em Informática. A partir da estrutura definida, os subsídios advindos dela serão usados para a proposição de um curso usando a Plataforma Moodle IFG para apoio às aulas presenciais. O curso será usado no primeiro semestre de 2020. Espera-se, como resultado, contribuir para o melhor desempenho do alunado, egresso do Ensino Fundamental, nas atividades de leitura e escrita do texto técnico Relatório de Atividades Práticas.   

 
Bolsista: Mateus  Tiago Cruz e Silva (Curso Técnico em Manutenção e Suporte em Informática integrado ao Ensino Médio)
Voluntário: Carlos Eduardo Assis Pinho  (Curso Técnico em Manutenção e Suporte em Informática integrado ao Ensino Médio) 
Orientadora: Rita Rodrigues de Souza
Coorientador: Danillo Vaz Borges de Assis
Recursos digitais para expressão/interação oral na EJA: ¿Vamos a hablar?
 
O  projeto propõe uma investigação acerca da expressão/interação oral em língua estrangeira, especificamente, a língua espanhola no contexto da Educação de Jovens e Adultos (EJA) no contexto da Educação Profissional Tecnológica. O estudo de uma língua estrangeira é sempre importante para o desenvolvimento pessoal e profissional. O trabalho com o desenvolvimento das habilidades das quatro habilidades de comunicação e interação: falar, escrever ouvir e ler é necessário e prioridade em determinados contextos.  Em outros, algumas habilidades são prioritárias. No caso da EJA, estas são necessárias. No escopo deste projeto, entretanto, será tratada apenas a habilidade de expressão/interação oral. A metodologia será de interpretação e mapeamento, na internet, de atividades que fomentem o trabalho em sala de aula e/ou estudo autodidata para o desenvolvimento da expressão/interação oral. O material será organizado em forma de lista de conteúdo que pode auxiliar na aprendizagem dessa habilidade. O mapeamento das atividades atenderá o programa de estudo da disciplina, sempre dialogando com a especificidade da atuação profissional do curso técnico a que as bolsistas estão matriculadas. Ao final, essa lista será disponibilizada e divulgada em umblog da EJA já existente. Espera-se contribuir para que os/as discentes tenham acesso a material/atividade, no nível deles/as, para estudo da língua espanhola e desenvolvimento da habilidade de hablar. 
 
Bolsista IFG: Leidiane Nunes Bezerra (Curso Técnico em Secretariado, modalidade de Educação de Jovens e Adultos)
Voluntária: Inês Bamberg Schneider (Curso Técnico em Secretariado, modalidade de Educação de Jovens e Adultos)
Orientadora: Rita Rodrigues de Souza
Coorientadora: Maria Aparecida Rodrigues de Souza

Redes Sociais: Mudanças Culturais e Saúde Mental dos/as Usuários/as 
 
Este projeto consiste na pesquisa sobre os impactos do uso excessivo das redes sociais na saúde mental de estudantes e na cultura escolar referente à leitura e à escrita. Visa-se com o desenvolvimento desta pesquisa, mapear as doenças que têm acometido os/as usuários/as buscando evidenciar o máximo possível de informações sobre faixa etária, gênero, escolaridade e classe social. A metodologia, para coleta, restringir-se-á à leitura de artigos científicos, reportagens e entrevistas com especialistas em saúde mental, publicadas em sites e revistas de saúde, educação e informática. A partir da leitura, serão feitos fichamentos e organização de tabelas e gráficos com as informações coletadas. A análise dos dados, por sua vez, será realizada mediante à leitura crítica das informações encontradas e   identificação de pontos convergentes e divergentes. Como resultados esperados, almeja-se mostrar, por meio de dados estatísticos, a situação de risco que os/as usuários/as das redes sociais estão sujeitos/as e as mudanças no âmbito do estudo escolar. É uma situação que a grande mídia tem chamado a atenção, que apesar de conhecida não chega a ser compreendida, é simplesmente algo que a sociedade convive, porém não parou para pensar o porquê da ocorrência de tantas doenças psicológicas neste  início de século estudantes e como as redes sociais têm contribuído para esse crescente aumento. Também as mudanças que têm ocorrido no ambiente escolar. Ao final da pesquisa, será produzida uma campanha de conscientização sobre o uso das redes sociais para a leitura e a escrita.  
 
Bolsista: Isadora Machado Moraes Silva (Curso Técnico em Manutenção e Suporte em Informática integrado ao Ensino Médio)
Voluntários: Elisvânia dos Santos Severo (Curso Técnico em Edificações)  e Wagner Silva Ferreira (Curso Técnico em Eletrotécnica)
Orientadora: Rita Rodrigues de Souza 
Coorientador: Leizer Fernandes Morais
Uso de Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação nos Cursos Superiores do IFG em Jataí: Prospecção e Critérios
 
Diante do cenário de mudanças constantes e presença marcante de uma cultura digital também na escola, por meio de pesquisa de cunho qualitativo e quantitativo investigar-se-á a presença das Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC) no âmbito dos cursos superiores do IFG Câmpus Jataí. Essa pesquisa focará em explorar o processo utilizado por professores e alunos dos cursos superiores na busca, seleção e adoção para uso das TDIC no cotidiano escolar, levando em consideração o que está definido nos respectivos Projetos Pedagógicos de Curso (PPC) que, por sua vez, devem conter as indicações de implantação desse ferramental. Espera-se a partir dessa pesquisa, contribuir com o campo da Informática na Educação por meio de um levantamento bibliográfico consistente e, adicionalmente, com uma reflexão sobre os caminhos possíveis para a adoção dessas tecnologias no ensino superior, tendo-as como aliadas no ensino-aprendizagem. Ressalta-se que esse projeto de pesquisa tem seus objetivos aderentes à linha de pesquisa intitulada Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação Aplicadas à Educação (TDICSAE) do grupo de pesquisas Núcleo de Informática na Educação (NINE) do Instituto Federal de Goiás (IFG) – Câmpus Jataí.  
 
Voluntário: Yan Victor Silva Araújo   (Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas)
Orientador: Aladir Ferreira da Silva Júnior
Coorientadora: Angelita Duarte da Silva